Prefeito de Felipe Guerra não comparece ao Leilão e mem a Cavalgada da Padroeira da sua cidade - Santana Notícia

Últimas Notícias

segunda-feira

Prefeito de Felipe Guerra não comparece ao Leilão e mem a Cavalgada da Padroeira da sua cidade

Um fato que chamou bastante a atenção dos que estava participando da Cavalgada, foi o não comparecimento do Prefeito da cidade a Cavalgada da Padroeira da sua cidade, para os analista Políticos de plantão estão achando que o fato foi muito negativo pra o Prefeito da cidade.

E não para por aí, na noite que antecedeu a Cavalgada da padroeira da cidade, aconteceu o tradicional Leilão na cidade Baixa, por lá mais uma vez o prefeito fez questão de não comparecer e prestigia o Evento da Igreja Católica da cidade, durante as noite da Padroeira de Felipe Guerra tem acontecido fatos bastante negativo pra atual gestão.

Um dos fato que mais chamou a atenção, foi com relação a Iluminação da Ladeira da cidade Baixa, segundo o que se comentou na cidade pelos quatros cantos, era que estava a vendo um mau entendido, entre a gestão municipal e os organizadores da Festa.

O nosso site visando sempre mostrar os fatos verídico, deixamos aqui o espaço aberto caso alguém queira se pronúncia sobre esses Assuntos.

Um comentário:

  1. Já dizia o ditado popular que: "todo santo pra baixo ou pra dar errado ajuda". Pois bem, no caso dos festejos da Igreja Católica em Felipe Guerra meia dúzia de insanos e cegos religiosos insistiu mais uma vez em hostilizar a participação do prefeito Haroldo Ferreira no tão falado leilão. 


    Nosso prefeito, já sabendo da armação, fez o que todo convidado sensato e prudente deveria fazer: não compartilhou de uma politicagem sebosa que insisti pelos organizadores e adoradores não de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, mas de "São Braz", o resultado como esperado e semelhante a administração do santo em questão, foi uma negação. 


    Haroldo Ferreira, autoridade chefe e máxima do executivo municipal, "constituída" pelo povo e pela permissão divina, sim, porque diz a Bíblia que nenhuma autoridade é constituída sem a permissão e a "VONTADE DE DEUS", sempre foi bem recebido pela Igreja de Cristo; Assembleia de Deus (todos os ministérios), Congregacional, Presbiteriana, Adventista, Deus é Amor e demais denominações em nosso município. 


    Sempre deu apoio e devido respeito aos seus líderes religiosos, atitude de quem sabe respeitar o princípio constitucional da liberdade de expressão, culto e devoção às religiões e suas liturgias. Com essa, mais uma vez quem sai perdendo não é o prefeito, não é cidade, não é o povo, mas a própria paróquia, e se falam e agem assim em nome de DEUS e de nossa senhora, dizendo que não precisam do prefeito ou dinheiro da prefeitura, não sei de nossa senhora, mas DEUS está vendo tudo e a justiça dele é PERFEITA, somente ELE sabe o dia de amanhã.

    ResponderExcluir