12º Crime de Homicídio em Mossoró 2016, Homem é morto no Bairro Pintos - Santana Notícia

Últimas Notícias

quinta-feira

12º Crime de Homicídio em Mossoró 2016, Homem é morto no Bairro Pintos

A violência não dar trégua à cidade de Mossoró, na região Oeste do Rio Grande do Norte e mais uma pessoa é morta por disparos de arma de fogo.

O crime aconteceu na tarde desta quinta feira 14 de janeiro na rua João Pedro de Oliveira no bairro Costa e Silva, popularmente conhecido como Pintos. A vítima um adolescente de 16 anos identificado como Matheus Martiniano Dantas Félix. 

O mesmo foi executado com vários tiros na cabeça, dentro da residência de um tio e segundo a PM dois indivíduos ocupando uma moto de cor escura, chegaram invadiram a residência e atiraram no adolescente que estava dormindo em um dos quartos da casa.

No interior do imóvel estava além da vítima, mais dois adolescentes que praticamente presenciaram o crime. Eles contaram à Polícia, que o atirador, procurava por Matheus, inclusive teria perguntado a um dos menores, se o nome dele era Matheus, mas ele respondeu que não e disse sua identificação. O homem saiu da sala e foi direto para quarto onde o alvo estava dormindo e o executou.

Ainda de acordo com a Polícia, Matheus foi apreendido na noite de quarta feira (11) pela PM suspeito de participar de um arrastão na Unidade Básica de Saúde (UBS), ocorrido na manhã de ontem, no bairro Alameda dos Cajueiros.

Ele chegou a ser conduzido à Delegacia de Plantão, mas foi liberado por ser menor de idade. Após o crime, os dois suspeitos fugiram e foram perseguidos pela Rocam 02 de Sargento Renixon.

A perseguição começou em frente a antiga ESAM e terminou no centro da cidade, depois que foram perdidos de vista porque entraram em uma rua na contra mão. Durante a perseguição o garupa da moto se desfez de um revolver possivelmente usado no crime.

A arma foi apreendida no Pirrichil na residência de uma pessoa que teria pego a mesma, e entregue à Homicídios que vai investigar o caso.

O corpo do adolescente foi recolhido do local, após a perícia realizada pela equipe do ITEP e será necropsiado e depois liberado para sepultamento. 

A Polícia ainda não sabe os motivos da execução do menor. A cidade chega aos 12 assassinatos neste ano de 2016,um aumento de 500 por cento nos crimes letais em comparação ao igual período do ano passado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário