Prefeitura de Caraúbas promove seminário de enfrentamento à violência sexual dentro da programação da campanha “18 de Maio” - Santana Notícia

Últimas Notícias

quinta-feira

Prefeitura de Caraúbas promove seminário de enfrentamento à violência sexual dentro da programação da campanha “18 de Maio”

Na manhã desta quinta-feira 16, a Prefeitura de Caraúbas, por intermédio da Secretaria Municipal do Trabalho Habitação e Assistência Social, Centros de Referência de Assistência Social (Cras) e do Centro de Referência Especializado (Creas), realizou o seminário da campanha “18 de Maio”, que combate o abuso e exploração sexual em crianças e adolescentes.

Com o tema "O Enfrentamento a Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes no Contexto da Proteção, Promoção e Defesa de Direitos Humanos e Sexuais", a campanha de 2019 procura sensibilizar toda a sociedade, no sentido de dá um basta nesse tipo de criminalidade, que é o abuso sexual contra menores. 

O evento aconteceu no auditório da Universidade Federal Rural do Semi Árido (Ufersa) e contou com a presença da participação da subcoordenadora da Proteção Social e Especial – Sethas/Natal, Elizama Evangeslista Barbosa e Elizabete de Paiva Lopes, representante do Fórum Estadual de Direitos da Criança e do Adolescente (DCA). As participantes ministraram um conjunto de palestras em torno do tema. O momento contou ainda com a participação de apresentações culturais das crianças e adolescentes que fazem parte dos Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos dos Cras, como dança, canto e de coral de flatas. 
De acordo com o vice-prefeito e secretário de Assistência Social, Paulo Brasil, o assunto é preocupante e merece toda a atenção da sociedade, para que as explorações e abusos sexuais possam ser combatidos com severidade.

“É muito preocupante a situação de crianças e adolescentes que vivem em ambientes vulneráveis da sociedade. Precisamos despertar o cuidado de pais, professores, autoridades, Conselho Tutelar e a polícia, para que esses atos criminosos possam ser combatidos. O mais grave é que, boa parte dos abusos contra crianças e adolescentes, é dentro da própria família das vítimas. Diante disso, o papel da escola, em especial dos professores, é muito significante, para identificar as vítimas. Estamos nos mobilizando para por fim a essa prática nociva, que é o abuso e exploração dos menores”, explicou Paulo Brasil.
Já o prefeito Juninho Alves, disse que o papel das entidades sociais é fundamental para reduzir o número crimes contra crianças e adolescentes. Além disso, as denúncias de populares mediante aparelhos midiáticos, também surtem efeitos e ajudam a reduzir os casos, sem contar que também contribuem, para prisões de criminosos.

“Não podemos nos calar diante dos crimes que acontecem com frequência na sociedade, que são os abusos e explorações sexuais. As instituições: escolas, Conselho Tutelar, Creas, Cras, polícias Militar e Civil, dentre outros, são muito importantes para reprimir atos criminosos, no entanto, qualquer cidadão pode também fazer sua parte, denunciando. Para isso existem vários meios para denunciar as práticas abusivas, como o disk 100, as redes sociais que tem um alto grau de público”, ressaltou o prefeito Juninho Alves.

Também na oportunidade foram entregues certificados a todas as instituições parceiras que aderiram  a "Campanha 18 de Maio" no município.

Palestras.

Durante o seminário foi apresentado um painel com a temática: O enfrentamento à violência sexual contra crianças e adolescentes, no contexto da proteção, promoção e defesa de direitos humanos e sexuais. 

No segundo momento aconteceram duas palestras a primeira foi “Cenário Estadual do Enfrentamento à Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes - as políticas de atendimento, seus desafios e perspectivas”, proferida pela subcoordenadora da Proteção Social e Especial – Sethas/Natal, Elizama Evangelista. A segunda palestra teve o tema: Implementação do Plano Estadual de Enfrentamento da Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes - avanços, dificuldades e desafios”, ministrada por Elizabete de Paiva Lopes, representante do Fórum Estadual DCA.
 
Além do prefeito Juninho Alves e do vice-prefeito Paulo Brasil, o evento contou com as presenças da seguintes autoridades: rep da OAB, advogado, Adeilson Ferreira de Andrade; presidente do Conselho Tutelar, Jeová Oliveira; agente de polícia civil do RN, Alyson Bruno; vereadores Hamilton Bezerra, Antônio Argemiro e Chiquito Praxedes e secretários municipais, Elionaldo Benevides (Políticas do Campo) e Francisco Antônio Alves (Educação); chefe de gabinete, Jaimar Gomes; controlador geral, José Ricardo Júnior além de diretores de escolas, professores, coordenadores, advogados e assistentes sociais locais e de outros municípios vizinhos.










Nenhum comentário:

Postar um comentário